Medison

Medison: 30 anos dedicados a ultrassonografia

Ultrassonografia Geral e Doppler-Colorido

Método de diagnóstico por imagem que não envolve a utilização de radiação ionizante, portanto não é prejudicial à saúde e permite a sua despreocupada repetição na identificação das enfermidades que podem comprometer as várias partes do corpo humano.

O diagnóstico é realizado a partir de imagens que são geradas pelas ondas de ultrassom, apresentando no monitor do equipamento as alterações que constam nos órgãos profundamente localizados, como no abdomen, ou também de estruturas superficiais como a glândula tireóide, as articulações, os músculos e os tendões. Anormalidades na pele e no olho também são acessíveis ao ultrassom.

 

ULTRASSONOGRAFIA DOPPLER-COLORIDO

 

Modalidade da ultrassonografia que investiga a circulação sanguínea da região examinada. Dispensa o uso de contraste. Tanto os vasos sanguíneos profundamente localizados no abdomen, como aqueles de localização mais superficial como no pescoço, braços, pernas e olho são acessíveis. Ela é importante também na caracterização dos nódulos que podem comprometer as mais diversas estruturas do corpo humano, como a glândula tireóide e as mamas.

Mais recentemente o Doppler-Colorido tem sido empregado com sucesso na identificação de cálculos renais com sensibilidade significativamente maior em comparação à ultrassonografia comum. Cálculos menores que eram só vistos na tomografia computadorizada, passaram a ser identificados com segurança pela Ultrassonografia com Doppler-Colorido.

 

© 2019 Medison
Todos os direitos reservados.